sábado, 17 de setembro de 2011

Tempo sem tempo...



Tempo que gira e nos domina
Rotina espreita sentada a cada esquina...
E a dor de uma surpresa é funesta!
Mas quando a porta de repente se fecha
Espreita-se janela que borda ar em flecha
E uma linda cor, nela se empresta...

Um dia vou contar a alguém
Como, com amor, o tempo se detém!

8 comentários:

Olinda Melo disse...

Palavras tão lindas, tão lindas, buscando alternativa colorida para a vida,altura em que se detém o tempo...

Bjo

Olinda

P.S. Espero-a no meu blogue.Este fim-de-semana há maratona de 'poesia louca' por lá... :)

Maria disse...

Detenho-me nas tuas fotografias. Do tempo que tardaram em chegar até mim (hoje). Leio as palavras poema e deixo-te um abraço, sabendo como o tempo se detém...

Vieira Calado disse...

Aí está um segredo que queria desvendar!

Conte, conte!...


Bjsss

Fa menor disse...

Que fotos belíssimas! E as palavras não lhe ficam atrás :)

Quando se nos fecha uma porta, Deus abre-nos uma janela.

Bejinhos

Teresa Durães disse...

conta-me esse segredo!

Baila sem peso disse...

Olinda Melo

No amor, tudo se detém
Até na janela da vida
A paisagem fica colorida!!! :)

PS : passei e mta graça achei...
e o meu modesto registo deixei
Tenho tanta pena de não ter mais tempo
Para esse tempo que é senhor e rei!!:)

Bjitos

Maria

Sim é no tempo de um beijo
No tempo de um abraço
No tempo em que o outro eu amo
Que o tempo tem tanto espaço :)

Obrigada Maria, tinha saudade da tua simpatia!
Bjitos para tua companhia

Vieira Calado

E já desvendei meu amigo...
Que contar a um poeta, que o tempo trás consigo??!!:))
Tempo: aquele espaço, que só no ser tem abrigo...

Bjosssss e um obrigada pela passagem na minha estrada

Fa menor

Sem mais menina musical!!
É preciso saber é perceber
Quando isso vai acontecer...
Se Deus empresta o tempo
A nós cumpre a hora do fazer valer :)

Bjitos sempre a bailar

Teresa Durães

Ora, ora...mas se é segredo!!!...
Mas vá lá...a ti posso dizer :)
Ter fé e conseguir sentir mudança
Ao amor que sentimos crescer
E a outros, no tempo o fazer valer...
Huummm, será que deu p`ra entender? :)

Bjos e bom restito de semana

Parapeito disse...

:)
Que bonito
Fico á espera que reveles o segredo :)
Tempo para ti nina* com brisas mansas***

Baila sem peso disse...

Parapeito

Segredo para ti não tem jeito
pois tu bem o sabes, a preceito! :)
Como vais tu e teu néné??
Tudo vai bem, pois é!!!? :))

Brisas sogaditas e molhaditas
com a noite serena e de carinho plena, te envio daqui, pa ti nina**
e que os dias sejam bem "arrumadinhos"
no seio dos teus "miminhos"